Paixão por Galabra – Capítulo 12

Capitulo 12 – A conversa

                           Pov pucu

–  E sério cara a gente tem que resolver isso, disse me virando pra Breno que tinha entrado no quarto, estava andando de um lado pro outro inquieto,

– Eu não sei porque você se surpreendeu tanto com isso pucu, você realmente esperava que todos os quartos do hotel tivessem duas camas de solteiro uma pra cada aluno você sonhou filho e sonhou muito, além de que se bem me lembro o senhor fez questão de escrever que não tinha problema nenhum em dvidir a cama então e aquele ditado você que lute, além do mais não e como se fosse a primeira vez que a gente fosse fazer isso. Breno estava jogando na cama com uma mão atrás da cabeça alterando seus olhares entre mim e seu celular, eu não sei porque eu estava tão brava com aquilo também mas o clima tava uma merda eu tava namorando e tava feliz ele tava namorando e também estava e isso era bom mas aí que tá algo entre o Breno e o Charles me irrita e eu não sei o que e mas o fato de ver o Breno beijando ele, abraço ele por trás me subia um calor e um incomodo que não está escrito, e o descaso dele com o fato de estarmos dividindo a cama me irritava mais ainda.

–  Tá pode até ser mas isso foi antes de eu começar a namorar e você tambem. disse olhando nos olhos dele procurando por alguma reação que demonstrasse o mesmo desconforto que eu estava sentindo pra eu não me sentir ainda mais irritado.

– Não, por mim tá tudo bem cara não e como se eu fosse subir em você em cima da noite e te beijar do nada pode ficar tranquilo, além do mais o que vai adiantar eu virar e ficar fazendo escândalo e revolta igual você o hotel já deve estar lotado eles não vão conseguir outro quarto só pra gente não der de dividir, mas se você quiser eu posso dormir nesse sofazinho aqui do lado assim você fica com a cama pra você. Ele disse desligando o celular de vez e me olhando nos olhos.

– Não tem problema a gente divide a cama não vai ser é como se fosse a primeira vez de qualquer jeito, mas agora me conta como você e o Charles se juntaram ?, só o fato de repitir aquilo em voz alta era estranho e irritante mas eu vou reprimir isso pra mim mesmo.

– Bem no dia seguinte que você foi embora de casa eu acordei bem mal e o Charles me mando uma mensagem falando de uma festa, aprincipio eu não estava afim de ir não me arrastei pra fora de casa e como um bom ser humano que sou decidi que do nada e descolorir o cabelo e virou isso aqui hehe. o mesmo diz apontando pra cabeça.

– Daí eu estava voltando pra casa e vi uma cena que me deixou puto aí troquei de roupa e fui pra festa, foi uma das melhores coisas que eu fiz me diverte e bebi demais, conheci o Luba e a luisa palomanes no mesmo dia acredita, depois disso não apaguei e acordei na casa do Charles , ele me contou que não queria me acordar pra perguntar onde eu morava aí me levou pra casa dele e me deixou dormir no quarto enquanto dormia na sala, depois me trouxe café e fez eu passar o dia com ele vendo série é comendo que nem doido, mas acho que o dia que a gente defato criou um vínculo foi quando eu passei muito mal e fui parar no hospital daí eu postei no meu Instagram que estava mal e ele veio ficar comigo e trouxe um nitendo pra gente jogar, depois me levou pra comer e ficou o resto da semana em casa cuidando de mim até levou meu atestado na facul desde de então a gente não se separou mais.

” Eu lembro muito bem desse dia que o Breno postou que estava no hospital, eu ia falar com ele pra ver se ele estava bem e tal mas na hora que eu ia mandar mensagem a Juliana chegou em casa e eu fiquei bem destante do celular por um bom tempo e quanto voltei o story não estava mais lá então relevei”.

– Ahn entendi ahn e você tá bem agora e tal não tá sentindo mais nada não né ? Disse um pouco preocupado com o bem estar dele.

– Não o Charles cuidou muito bem de mim obrigado cara. Ele disse com um sorriso de quanto no rosto que me deixou um pouco desconfortavel. Antes que eu pudesse dizer mais algo nos dois recebemos uma notificação de mensagem quase que na mesma hora. Era um email da faculdade que dizia :

” Prezando aluno(a), pro conta da viagem cansativa e de vocês terem de acordar cedo pra sair de suas casas não estamos dando esse dia livre pra vocês aproveitarem e relaxarem embora seja uma segunda feira, espero que aproveitem e estajam prontos para uma terça feira de trabalho assim seja.”

–  Você recebeu o mesmo que eu recebi ?  disse animado pra poder tomar um banho e cair na cama.

–  Você também recebeu uma mensagem do Charles perguntando se você chegou bem ? Hehe brincadeira recebi sim o que você vai fazer no seu tempo livre ? Ele disse me olhando com aquela cara de bobão e sorrindo pra mim.

– Bem eu acho que eu vou tomar um bom banho e cair na cama pra descansar um pouco, estou muito cansando.

– Nossa serio isso Lucas você vem pra outra cidade e ainda recebe um dia livre pra curtir e seu primeiro pensamento e dormir, meu deus mas tudo bem né vai dormir aí eu vou trocar de roupa e sair com uma amiga minha a gente vai pra liberdade e depois pra paulista ela já morou aqui em São Paulo antes então sabe andar de trem e se locomover por aqui e tal. Ele dizia e era perceptível que estáva animado pelo sorrisinho de canto.

– Tá como você vai sair, pode tomar banho primeiro eu deixo vai lá mas vai logo. Disse antes que me arrependesse e me trancasse naquele banheiro.

– Brigado lucas seu lindo, ele levantou e arrastou sua mochila pra dentro do banheiro correndo como se sua vida dependesse daquilo.

—×—

Eu já estava quase desmaiando de sono na cama quando Breno saiu do banheiro, estava pronto pra reclamar e brigar com eles falando tudo que e nome mas a única coisa que rondava minha cabeça quando eu vi ele foi.. UOU.

– Que foi Lucas to tão feio assim menino fala alguma coisa.

– Não cara muito diferente você tá gato pra caramba pô cara tá demais em meu deus. Disse sem nem me tocar era como se minha mente não trabalhase mais com o limite dissesse tudo que eu pensava sem parar.

– Calma aí garoto, tua namorada e ciumenta em não quero arrumar briga não mas brigado de qualquer jeito agora o quarto e todo seu eu tô saindo viu até mais tarde. Antes que eu pudesse falar mais alguma coisa ele pegou sua mochila coloco nas costas e saiu do quarto me deixando apenas com a memória de quão bonito ele tava, mas eu tinha que tomar banho pra dormir e descansar agora não e hora de ficar se questionando sobre os outros. Peguei uma bermuda qualquer e tomei um banho rápido tava precisando domir nem me dei ao trabalho de pegar uma cueca quando chegasse a noite eu resolveria isso agora só precisava dormir, tomei meu banho e meu joguei na cama e acabei por não demorar mais tempo pra dormir desmaie de sono.

—-×—-

Arcordei com o barulho da porta abrindo e me sentei na cama ainda meio sonolento, abri os olhos e me deparei com breno entrando no quarto com algumas sacolas na mão e um sorriso no rosto.

– Eae como foi seu rolê por são Paulo senhor viajado. Disse olhando pro seu rosto alegre.

– Foi perfeito andei demais compre algumas coisas conheci a cidade e muito massa por aqui mas eu tô destruído e acabado preciso dormir vou tomar outro banho e cair na cama que e o melhor que eu faco, ele disse e foi em direção ao banheiro denovo, eu estava morrendo de fome e precisava comer alguma coisa, acabei apenas por pedir um lanche com batata frita enquanto via alguns vídeos no YouTube. Meu lanche chegou na mesma hora que o Breno sai do banheiro.

– Tu pediu comida foi ? Ele perguntou confuso.

– Claro acordei morrendo de fome você quer um pedaço ?

– Não não brigado eu já comi lá fora só preciso dormir mesmo. Ele começou a se aproximar e deitou do outro lado da cama pegando o travesseiro e virou de costas, pra mim adormecendo alguns minutos depois, terminei de comer e me ajeitei na cama pra dormir, por alguns minutos foi descofortavel pensar que eu depois de muito tempo está dividindo a cama com o Breno denovo mas acabei por comer depois de um tempo.

Pov Breno

– Eu não acredito que isso tá acontecendo…

Escrita por: Yuri_16martins e riquecito